Vladimir Spinelli: A importância do BNB para o Nordeste

Neste pequeno artigo não iremos tratar dos números do BNB, que ascendem aos bilhões aplicados em projetos desenvolvimentistas. Isto poderá ser feito em outras oportunidades e com dados oficiais.

O que ressaltamos é que nossa região sempre teve no antigo “Conterrâneo” uma fonte segura de apoio ao desenvolvimento, através de projetos de larga envergadura como foram o Programa de Desenvolvimento do Turismo - PRODETUR, o Programa de Geração de Emprego e Renda - PROGER, a introdução da soja no Cerrado Maranhense e, principalmente, o FNE, este criado há 31 anos.

Como banco de fomento diferenciado, o BNB não tem as mesmas características do BNDES, com visão mais macro, nem a amplitude territorial do Banco do Brasil, nosso primeiro banco, ou da também centenária Caixa Econômica, agente social, especialmente pelo FGTS, PIS e Seguro Desemprego.

Mas isso não é demérito, pelo contrário. O BNB é único. É complementar. O maior banco de desenvolvimento regional da América Latina tem como escopo proporcionar a nossa região, celeiro de grandes oportunidades, os recursos de que ela necessita para reduzir a distância que a separa de outras regiões. Somos 28% dos brasileiros, mas detemos apenas 15% do PIB nacional.

No BNB encontramos o mais completo e atual acervo de informações sobre esta região, através do Escritório Técnico de Estudos do Nordeste – ETENE, composto por grandes estudiosos e conhecedores da economia regional, capazes de darem apoio tanto ao banco, para as suas definições estratégicas, quanto ao público, disseminando conhecimentos.

É, portanto, dever de todo o brasileiro procurar conhecer mais profundamente esse agente desenvolvimentista e apoiar o seu aperfeiçoamento cada vez maior, pois assim ganham a região e o país.

*Vladimir Spinelli Chagas é Professor e Diretor do Centro de Estudos Sociais Aplicados da UECE e Membro da Academia Cearense de Administração - ACAD.

(Publicado em 27 de fevereiro no jornal O Povo)

logo
©2019 ACAD. Todos os Direitos Reservados.

Search